Programa da Fundação Abrinq ajuda Clara a voltar a sorrir

Home / / / Programa da Fundação Abrinq ajuda Clara a voltar a sorrir

Cuidar dos dentes é muito importante para a saúde e a qualidade de vida. A prevenção é a melhor maneira de garantir a saúde bucal das crianças e dos adolescentes e a atenção, nesta faixa etária, precisa ser redobrada.

A Clara*, tem 12 anos e é assistida pelo Instituto Solid Rock Brasil, instituição que atua no acolhimento de crianças e adolescentes no município de São Paulo. Há dois anos, a equipe de atendimento da organização estranhou alguns sintomas manifestados pela menina. “Ela apresentava alergia ao espirrar com frequência e esfregava muito o nariz. Por ser uma criança portadora de Transtorno do Espectro Autista (TEA), ela não sabia dizer o que a incomodava”, conta Liliane Lopes dos Santos Silva, assistente social do Instituto.

Acolhimento

Desde 2017, a menina está no Serviço de Acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes (SAICA), mantido pelo Instituto Solid Rock Brasil. Ela chegou através de um encaminhamento do Conselho Tutelar do município e está sob a tutela do Estado. O gerente do SAICA responde pelos cuidados e interesses dela.

O Instituto Solid Rock Brasil é integrante desde 2012 do Programa Adotei um Sorriso, da Fundação Abrinq, e observou a necessidade de um atendimento especializado para Clara. “O Hospital Ruben Berta é referência no tratamento de nariz, garganta e ouvido. Solicitamos o atendimento e desde então, a Clara faz acompanhamento com o especialista do hospital. ”, conta Liliane.

O início do tratamento se deu de modo medicamentoso, com o objetivo de tratar a doença sem a necessidade de uma intervenção cirúrgica. Contudo, após o tratamento, os médicos avaliaram que não estava sendo eficaz e a encaminharam para a cirurgia de adenoamigdalectomia.

A cirurgia foi realizada, com sucesso, em fevereiro deste ano. “Clara está bem. Retornou em março para avaliação pós-cirúrgica e o retorno já está agendado para setembro, providenciado pela equipe do Programa Adotei um Sorriso, sendo acompanhada pela equipe do Hospital Ruben Berta, em São Paulo (SP)”, destaca Liliane, assistente social da instituição.

Liliane revela que a mãe nunca acompanhou a Clara em seus atendimentos. “Quem está sempre com ela são os orientadores socioeducativos. No entanto, ela tem conhecimento de todo o tratamento recebido pela filha”.

Instituto Solid Rock Brasil – Proteção às crianças e aos adolescentes

Instituto Solid Rock atende crianças e adolescentes de 0 a 17 anos
Instituto atende crianças e adolescentes de 0 a 17 anos, (Divulgação)

A matriz do Instituto Solid Rock está situada em Ohio, Estados Unidos. No Brasil, iniciou em 2004, um trabalho voluntário realizado por missionários que vieram com o objetivo de, junto às organizações filantrópicas brasileiras, combater a violência doméstica e sexual, além da exploração do trabalho infantil.

Em 2007, o instituto iniciou o serviço de acolhimento para crianças e adolescentes e, em 2012, firmou parceria com a Prefeitura Municipal de São Paulo, através da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social. Atualmente, atende 15 crianças e adolescentes com a faixa etária de 0 a 17 anos.

As crianças e os adolescentes residem no SAICA, onde realizam atividades socioeducativas orientadas por educadores. Eles participam também de atividades externas, como: escola, cursos e ações no Centro da Criança e do Adolescente (CCA), mantido pela organização.

Ajude uma criança a sorrir
Desde 2007, a Fundação Abrinq beneficiou mais de 290 mil crianças e adolescentes que, assim como a Clara, puderam ter acesso aos serviços de saúde e atendimentos institucionais fundamentais para uma boa saúde bucal e qualidade de vida.

Quer mais informações sobre o Programa Adotei um Sorriso? Entre em contato com a Fundação Abrinq pelo e-mail adotei@fadc.org.br ou WhatsApp (11) 94512-4119.

*  Nome e imagem alterados para preservar a identidade da criança.



Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
Facebook
Instagram
Fundação Abrinq